Salvador

Barra, Salvador

Salvador da Bahia tem uma energia e uma beleza com as quais poucas cidades podem competir. Antiga capital da grande colônia portuguesa no Novo Mundo, Salvador é ajoia afro-brasileira do país. Seu centro colorido é um museu vivo da arquitetura e das igrejas cheias de ouro dos séculos 17 e 18. Mais importante, é o centro de movimentos artísticos incríveis. Festas animadas acontecem o tempo todo, com grupos de percussão batucando ritmos poderosos durante o dia em um cenário de prédios coloniais. Durante a noite, rodas de capoeira se formam em praças e espaços abertos, e o cheiro do acarajé e de outras delícias africanas se espalha pelo ar. Nos pontos distantes da cidade, uma energia contagia a multidão de religiosos que celebram e se reconectam com as divindades africanas nos rituais místicos do candomblé. Na verdade,
não há outro lugar no mundo onde os descendentes de escravos africanos tenham preservado suas origens tão bem
quanto em Salvador – da música à religião, passando por comida, dança e artes marciais tradicionais. Além das muitas atrações dentro de Salvador, uma orla marítima maravilhosa está localizada bem ao lado da cidade – uma introdução
digna ao esplendor tropical baiano. Escolhida para ser uma das doze cidades sede da Copa do Mundo de 2014, Salvador
também está se preparando para um fluxo intenso de visitantes. Porém, as preparações demoraram a começar. No momento da escrita deste guia, a reforma do antigo Estádio Fonte Nova estava em andamento e havia uma discussão sobre o aprimoramento do sistema de transporte coletivo superlotado.

Última atualização: 27 de Maio de 2014