Nova York

Atividades em Nova York

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. 202

    Na ponta do Chelsea Marjet, essa espaçosa butique sacia muitos desejos com seus elegantes objetos de cristal e utensílios domésticos, roupas femininas e masculinas muito benfeitas e, claro, aquelas panquecas deliciosas servidas no brunch. A loja é uma invenção da designer Nicole Farhi, que possui um lugar similar em Notting Hill, em Londres.

  2. Atividades de verão no Central Park

    Nos meses quentes, o parque abriga incontáveis eventos culturais, muitos gratuitos. Os dois mais populares são o Shakespeare in the Park (www.shakespeareinthepark.org), organizado pelo Public Theater, e o SummerStage (www.summerstage.org), uma série de concertos grátis. Os ingressos para o Shakespeare são distribuídos às 13h no dia da apresentação, mas se você quiser garantir um lugar, entre com seu grupo todo na fila às 8h e leve alguma coisa para sentar. Os ingressos são gratuitos e cada pessoa só pode retirar dois deles; atrasados não podem entrar na fila. As salas do concerto SummerStage geralmente abrem ao público uma hora e meia antes do início do show. Mas se for um espetáculo popular, chegue cedo para conseguir entrar.

  3. Battery Park City Parks Conservancy

    Oferece uma série de atividades gratuitas e pagas, de aulas de desenho e tours a pé até ioga para pais e bebês, contação de histórias e jardinagem. Confira o site para saber os eventos programados.

  4. Bowlmor Lanes

    Inaugurado em 1938, o Bowlmor acomoda de festas de bar mitzvah a encontros de alunos (em geral regados a cerveja) da NYU. Nas segundas-feiras após às 21h, a promoção da casa oferece jogadas ilimitadas por US$25, incluindo aluguel de sapatos (a idade mínima é 21 anos).

  5. Bunya Citispa

    Ex‑modelos e consumidores cansados fogem para esse spa chique com inspiração asiática para ter alguns mimos orientais. Entre as soluções que diminuem a tensão estão reflexologia, massagem na cabeça com tratamento capilar de chá verde, massagem com pedras quentes e a famosa “compressa de ervas orientais” da massagem
    tailandesa (uma hora, US$ 120).

  6. Chelsea Piers Complex

    À beira‑mar, o enorme complexo esportivo agrada a diversos atletas. Você decide se quer acertar bolas de golfe no
    campo de quatro níveis, patinar no gelo no rinque interno ou alugar patins in‑line para cruzar a nova ciclovia ao longo do Hudson River Park e o caminho de volta até Battery Park. Tem pista de boliche, Hoop City para basquete, uma escola de “navegação” para crianças, gaiolas para rebatimento de bolas, um enorme ginásio com piscina interna (para não membros, US$ 50 por dia) e parede de escalada.

  7. Cherry Blossom Festival

    Conhecida no Japão como Sakura Matsuri, essa tradição anual, em um fim de semana no final de abril ou no início de maio, celebra a magnífica floração das cerejeiras no Brooklyn Botanic Garden. O evento abrange diversão e atividades (tambores taiko, dança folclórica, oficinas de origami, exposições de ikebana, performances com espadas samurai), além de muita beleza.

  8. Gotham Bikes Downtown

    Não muito longe do Rio Hudson – um bom lugar para se passear – essa empresa possui uma boa seleção de bicicletas para venda e aluguel

     

     

     

  9. Gotham Girls Roller Derby

    A única associação de Nova York formada apenas por patinadores reúne quatro equipes: Bronx Gridlock, Brooklyn Bombshells, Manhattan Mayhem e Queens of Pain. Conta ainda com dois times itinerantes, o All-Stars e o Wall Street Traitors. Há competições por toda a cidade, mas nós torcemos pelas Brooklyn Bombshells.

  10. Governors Island

    Fechado ao público por duzentos anos, o antigo posto militar Governors Island é hoje um dos playgrounds sazonais mais populares de Nova York. Todo verão, balsas grátis fazem o trajeto de sete minutos de Lower Manhattan até esse oásis de 69 hectares. Em 2014, trinta novos hectares de terreno da ilha foram abertos ao público, com áreas como o Liggett Terrace, cheio de obras de arte; o Hammock Grove, de quatro hectares (e com cinquenta redes para descansar) e o Play Lawn, de cinco hectares, com dois campos de grama para softball adulto e para a Little League de beisebol. Arte é o foco em Figment (www.figmentproject.org), um festival de arte interativo de apenas uma semana, em junho; vistas inspiradoras também estão na ordem do dia no Great Promenade. Percorrendo três quilômetros e meio ao longo do perímetro da ilha, o caminho inclui tudo, de Lower Manhattan e Brooklyn a Staten Island e Nova Jersey. Quem quer pedalar pode alugar bicicletas na Bike & Roll por US$ 20, por meio dia.

  11. Loeb Boathouse

    A casa de barcos do Central Park tem uma frota de cem barcos a remo, além de três caiaques disponíveis para aluguel de abril a novembro. No verão, há também uma gôndola veneziana que acomoda até seis pessoas (US$ 30 por 30 minutos).
    Bicicletas também estão disponíveis de abril a novembro, dependendo do clima. Para alugar, é necessário ter documento
    de identificação e cartão de crédito. Capacetes incluídos.

  12. New York Red Bulls

    A nova arena de futebol feita sob medida, que custou 150 milhões de dólares, foi inaugurada em meados de 2010. Fica localizada a alguns quarteirões da Harrison Station, próxima ao Passaic River. Tem 25 mil lugares, e a temporada de 30 jogos do Bulls acontece de abril a outubro.

     

     

  13. Russian & Turkish Baths

    Desde 1892, tem sido o spa para quem deseja se despir (ou ficar em trajes de banho) e mergulhar em deliciosos banhos a vapor, piscinas refrescantes e geladas, saunas ou tomar sol no terraço. Geralmente, os banhos são liberados para homens e mulheres (traje de banho requisitado nesses momentos), mas às vezes a entrada é permitida a apenas um ou outro.

  14. Staten Island Ferry

    Quem é de Staten Island chama essas balsas pesadas e laranja de commuter vehicles e os moradores de Manhattan consideram‑nas seu segredo romântico para uma fuga na primavera. Muitos turistas ficam encantados com o charme da Staten Island Ferry, cujo trajeto de 5,2 quilômetros entre Lower Manhattan e o bairro de St George é um dos melhores
    passeios gratuitos de Nova York.

  15. Wollman Skating Rink

    Maior que o rinque de patinação do Rockefeller Center e aberto o dia inteiro, fica na borda sudeste do Central Park e oferece vistas lindas. Abre do meio de outubro até o início de abril. Só aceita dinheiro.