Marrocos

Onde comer em Marrocos

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. Boulangerie Patisserie Azir

    Essa confeitaria é a favorita da cidade, com pães caseiros e toneladas de doces e salgados.

  2. Café La Belle Vue

    O nome é uma referência ao terraço nos fundos, com vista para a baía. Diversos cafés semelhantes nesse trecho do Mohammed V têm ótima vista.

  3. La Rive

    Moderno e arejado, o La Rive é uma das quatro opções igualmente razoáveis na praça – um bom refúgio do trânsito e do agito. Serve uma boa seleção de sanduíches e saladas, frutos do mar e tajines, além do cuscuz de ótimo custo-benefício às sextas.

  4. Le Petit Beur – Dar Tajine

    Lugar pequeno e modesto reconhecido pela excelente comida marroquina, de suculentos tajines e cuscuz dos deuses a uma das melhores pastillas da cidade. É mais tranquilo no almoço, mas à noite ganha vida com garçons que fazem as vezes de músicos e tocam oud (alaúde) para acompanhar sua refeição. Reserve ou chegue cedo, já que o salão enche rápido.

  5. Mamma Mia

    Essa nova trattoria italiana tem ambiente familiar e atrai comilões com pizzas de boa qualidade e generosas porções de massas, além de especialidades mais incomuns, como ossobuco, escalope e uma boa selecção de charcutaria. Os tijolos aparentes, as toalhas de mesa vermelhas e brancas e pôsteres dos anos 1950 tornam o ambiente acolhedor e descontraído. As famílias devem ir mais cedo, antes da chegada dos clientes fumantes, por volta das 21h.

  6. Populaire Saveur de Poisson

    Esse pequeno e charmoso restaurante de frutos do mar oferece excelentes cardápios fixos em um ambiente rústico. O dono serve uma refeição de quatro pratos com sopa de peixe seguida de pratos criativos com o pescado do dia, azeitonas e pães frescos, tudo acompanhado de um coquetel com 15 variedades de frutas. A sobremesa é mel com amêndoas. Não é apenas uma refeição, é uma experiência.

  7. Restaurant Ayour

    Próximo ao Hotel du Sud, o confortável Ayour é um dos melhores restaurantes de Mirleft. Cobra um pouco a mais do que deveria, mas o cardápio traz bons tajines, espaguete e peixes.

  8. Ruined Garden

    Uma abordagem inovadora à comida de rua local é a pedida nesse jardim encantador ou perto da lareira no inverno. O chef-horticultor Robert Johnstone cultiva ervas e verduras e defuma o próprio salmão. Se você reservar com antecedência, eles podem preparar um banquete ou um mechoui sefardita tradicional, ou seja, cordeiro assado. Os hóspedes podem ser acompanhados de/para a casa mediante pedido.

  9. Tajine wa Tanja

    Pratos marroquinos simples são a especialidade desse pequeno restaurante próximo à estação de trem. Escolha entre uma variedade de grelhados no fogo a lenha ou tajines à moda tradicional – ou peça o magnífico cuscuz às sextas-feiras. É um lugar bem tranquilo, e não tão intimidador para mulheres que viajam sozinhas.

  10. Talembote

    Esse lugar minúsculo não tem letreiro, mas vale a caça pelo delicioso b’sara com pão fresco que pode ser um almoço barato e satisfatório. Fica no alto da escadaria em frente ao Hotel Parador.