Dicas e artigos

Dicas para mulheres visitando Dubai

Lonely Planet

Dicas para mulheres visitando Dubai

Lonely Planet

 

Muitos viajantes imaginam que visitar Dubai sendo mulher é muito mais difícil, complicado e estressante do que é de verdade. Dubai fica bem no alto da lista de cidades mais seguras do mundo, apesar de ficar em uma região que com frequência aparece nas manchetes por conta de conflitos que parecem eternos. No entanto, dada a fama da cidade como uma Disney do luxo e seu governo islâmico, o que é permitido ou não nem sempre é claro.

Embora não se espere que turistas mulheres vistam burkinis na praia, entender as normas e costumes locais antes de sua viagem pode ajudar a evitar situações desconfortáveis, ou potencialmente arriscadas, mas você também pode ficar sabendo de algumas vantagens.

Não tem problema vestir um biquíni na praia, ou na piscina do hotel, mas na cidade é melhor se cobrir © Vivek BR / Shutterstock

 

O que vestir em Dubai?

A busca de Dubai por se tornar a mais rica e reluzente cidade desse mundo pode dar a entender outra coisa, mas a verdade é que a cidade tem fortes raízes tradicionais. Os emiratis – tanto homens quanto mulheres – usam vestes soltas e você vê muitas mulheres locais cobrindo o rosto e cabelos com um lenço. As visitantes não precisam fazer a mesma coisa, mas cobrir as coxas e ombros é recomendado, então leve saias compridas ou calças largas. Para visitar uma mesquita local, as mulheres precisam cobrir a cabeça, mas normalmente há lenços para pegar emprestado se você esqueceu o seu. Uma pashmina ou echarpe colorida em volta do cabelo já serve.

Os bares e clubes de Dubai são outra questão e neles você pode usar o que usaria para sair à noite em casa. No entanto, saiba que muitos desse lugares ficam em hotéis ou shoppings, então traga alguma cobertura para evitar desconforto ao ir de um bar para outro. Por exemplo, se você estiver com a barriga, coxas ou ombros de fora, traga uma echarpe ou outra cobertura para se enrolar enquanto estiver seguindo para sua próxima noitada.

Não tem problema usar um biquíni na praia ou na piscina, mas não ande por aí com ele. Primeiro, você vai congelar (graças ao ar condicionado ártico dos shoppings e outros espaços públicos), mas você também vai ofender os locais, embora eles provavelmente não cheguem a dizer nada.

 

Sinta-se livre para vestir suas roupas normais de sair em Dubai, mas traga uma cobertura para andar entre os bares © Funny Solution Studio / Shutterstock

O que devo vestir se eu visitar durante o Ramadan?

Durante o Ramadan, você ainda pode usar um biquíni para tomar sol na praia ou na piscina, mas cubra-se enquanto andar pelo hotel em si. Quando você andar pela cidade, vista uma saia abaixo do joelho ou calças largas e uma blusa que cubra a parte de cima dos seus braços e não seja decotada.

Serei assediada?

Mulheres que visitam Dubai podem se sentir seguras quando fazem turismo, pegam táxis ou saem para jantar sozinhas, mesmo tarde da noite. O Fórum Econômico Mundial colocou os Emirados Árabes Unidos como o Segundo país mais seguro do mundo. Isso não quer dizer que você não vai receber atenção indesejada, mas, infelizmente, a maior parte das cidades do mundo ainda não está livre de fiu-fius. Se alguém te abordar com uma cantada, não é um problema ignorar completamente ou rejeitar de forma educada, mas firme.

 

Beber álcool tecnicamente só é legal com uma licença, mas turistas em viagens curtas não podem obter uma © franckreporter / Shutterstock

Posso beber álcool em Dubai?

Essa é uma área cinzenta. No aeroporto, o Dubai Duty Free vende litros de álcool para qualquer um com mais de 21 anos, bares e casas noturnas nos hotéis da cidade oferecem tentadores happy-hours e há lendários brunchs open-bar nas sextas feiras. Apesar de tudo isso, beber álcool em Dubai tecnicamente só é legal se você tiver uma licença, mas visitantes temporários não podem obter uma. A polícia de Dubai não vai atrás de turistas bebendo cerveja a menos que eles estejam causando tumulto. Recentemente houve pedidos de esclarecimento sobre a “lei que esqueceu os turistas”, mas até agora não há resolução e a lei atual ainda é a base.

 

O que são noites das mulheres?

Uma das vantagens de ser uma mulher viajando por Dubai são as infinitas opções de noites das mulheres. O que antes significava que as mulheres ganhavam uma ou duas bebidas de graça nas noites de terça – uma estratégia de marketing esperta nos tempos em que os bebedores de Dubai eram quase todos homens – as noites das mulheres de Dubai se tornaram uma instituição e acontecem todos os dias da semana, em lugares variados pela cidade. De entrada gratuita, ou com desconto, em clubes de praia a drinques de graça nos bares ou jantares pela metade do preço em alguns dos melhores restaurantes da cidade, encontrar noites das mulheres pode baixar bem o preço do que seria uma noite cara.

 

Um casal se hospedar em um hotel sem estar casado oficialmente, normalmente não causa problemas, mas é bom conhecer a lei © Debbie Fortes / Getty Images

 

Posso dividir um quarto de hotel com meu parceiro se não somos casados?

Embora milhares de casais coabitem fora do casamento em Dubai sem maiores problemas – e presume-se que eles dividam camas além de endereços – o sexo fora do casamento é ilegal e carrega pena de cadeia e possível deportação. Essa lei parece cair na categoria do “se ninguém se importar, então tudo bem”. No entanto, se alguém reclamar por você estar no mesmo quarto com alguém do sexo oposto – seja por dividir com seu parceiro ou por trazer alguém pra casa à noite – então você pode ter problemas. Os hotéis pedem o passaporte dos hóspedes no check in, mas isso é por segurança, mais do que para descobrir se as pessoas estão fazendo sexo fora do casamento.

Quando se trata de controle de natalidade, você verá camisinhas para vender em supermercados, farmácias e postos de gasolina, mas a pílula do dia seguinte é ilegal. Os médicos dos EAU são obrigados por lei a relatar gravidez em mulheres solteiras. Se você acha que pode estar grávida, considere voltar para casa antes de ir ao médico.

 

Com quem eu devo entrar em contato em uma emergência?

A Polícia de Dubai é extremamente solícita e pode te ajudar com diversas coisas, de roubos a acidentes de trânsito. Disque 999 para emergências e 911 para situações não emergenciais. No entanto, em casos que envolvem sexo ou álcool é melhor entrar em contato com a sua embaixada, que vai poder te aconselhar melhor. Se você for estuprada, pense se vale denunciar para as autoridades. Embora providências possam ser tomadas contra os agressores, você pode ser acusada de ter feito sexo fora do casamento e processada. Em vez disso, entre em contato com a sua embaixada, que pode te ajudar sem envolver as autoridades locais.

 

Aprenda mais sobre a cultura e os costumes dos emiratis no Sheikh Mohammed Centre for Cultural Understanding © Rich-Joseph Facun / Getty Images

Como posso conhecer locais em Dubai?

Qual forma melhor do que aprender sobre a vida em uma cidade que cresceu de pequena vila de pescadores a mega metrópole em menos de 50 anos que conversar com seus locais? O Sheikh Mohammed Centre for Cultural Understanding organiza sessões semanais nas quais você pode aprender mais sobre a cultura e as tradições locais com emiratis de ambos os sexos, incluindo sessões de perguntas e respostas sem nenhuma censura, nas quais você pode perguntar o que quiser. O Meet the Locals oferece encontros nos quais você pode almoçar com pessoas de todas as partes dos Emirados. Outra opção é o ExpatWoman, um grupo que funciona há bastante tempo e possui participantes locais, um banco de dados bastante informativo e um fórum interativo. O Tinder existe e é muito popular. Vários outros apps de encontros também estão disponíveis.

 

O que os viajantes LGBT+ precisam saber antes de ir para Dubai?

Os LGBT+ são pesadamente oprimidos em Dubai. Demonstrações públicas de afeto, mal vistas em casais héteros, são completamente proibidas para casais gays. Você verá alguns homens locais de mãos dadas, alguns rostos se esfregando, mas tudo platônico. Cross-dressing em público é ilegal e viajantes transgêneros podem ter problemas ao preencher a documentação oficial. Viajantes gays dividindo um quarto dificilmente terão problemas, a menos que você se hospede em alguns dos hotéis menores, comandados por locais, nas partes mais antigas da cidade. Em vez disso, faça sua reserva em algum hotel de cadeia internacional, mais luxuoso. Não há uma cena gay propriamente dita em Dubai, mas o The Play Room no The Oberoi, o Barberry no Tryp by Wyndham e o Zinc no Crowne Plaza valem uma visita.

Mais inspiração, dicas e ofertas exclusivas direto na sua caixa de entrada com nossa newsletter semanal.

Aproveite ao máximo sua viagem com tours e atividades oferecidas por nossos parceiros de confiança.

Este artigo foi publicado em Maio de 2019 e foi atualizado em Maio de 2019.