Dicas e artigos

A cidade mais turística do mundo foi revelada

Sasha Brady

O crescimento das férias urbanas foi mais rápido do que o da demanda total por viagens internacionais na última década. As cidades representam hoje 45% das viagens globais, com mais de meio bilhão de viagens anuais dirigidas a elas, Segundo um relatório recente do World Tourism and Travel Council (WTTC). Cancún é a cidade com a mais alta dependência do turismo. O setor gera diretamente quase metade do PIB da cidade mexicana, tornando-a a cidade mais turística do mundo de acordo com o relatório.


Cancun. Foto por Brand X Pictures/Getty Images

Desde a ascensão do turismo de massa nos anos 1960, viagens urbanas se tornaram um dos segmentos com crescimento mais rápido em toda a indústria de viagem e turismo. Com essa tendência crescente, as cidades de todo o mundo estão se debatendo com a questão de como aumentar o turismo de forma sustentável. Isso é especialmente desafiador para aquelas que dependem pesadamente do dinheiro de turistas para alimentar sua economia. Cidades turísticas europeias, como Veneza e Dubrovnik (onde o número de visitantes disparou depois que a cidade croata apareceu em Game of Thrones) tiveram dificuldades recentemente para lidar com o número de visitantes, já que o crescimento rápido do turismo tem um peso na vida cotidiana e infraestrutura das cidades.


Foto por Jacqueline Chin/Lonely Planet

Veneza, a Rainha do Adriático, é uma cidade realmente única, onde as ruas são feitas de água e os carros substituídos por barcos. As particularidades de Veneza continuam a encantar mochileiros em anos sabáticos, por exemplo, que tornaram a cidade uma das dez mais mencionadas em posts no Instagram com hashtags sobre o tema.

Não é uma surpresa que elas estejam entre as 10 cidades que mais dependem do setor de turismo. A análise anual do WTT do impacto econômico global de viagens e turismo descobriu que 17,4% do PIB de Dubrovnik vem do turismo, enquanto em Veneza, o número é de 11,4%. Cancun ficou em primeiro lugar com 49,6% do seu PIB vindo diretamente do setor.


Dubrovnik se tornou um destino turístico popular nos últimos anos. Imagem por©John and Tina Reid/Getty Images

Antes uma pacífica vila de Pescadores, Cancun foi transformada em um destino turístico construído para esse propósito em 1972. A cidade depende primariamente do mercado internacional, já que mais da metade dos gastos vem de visitantes estrangeiros. Os Estados Unidos formam o grosso dos visitantes estrangeiros em Cancun, com 63%, embora visitantes canadenses agora ocupem uma porcentagem maior do que em anos anteriores. Viagens para a cidade de países da América do Sul também têm aumentado, especialmente da Argentina. 

“Embora [Cancun] também possua uma quantidade significante de atividade em setores de negócios, o grosso disso é apoiado diretamente por Viagem e Turismo,” diz o relatório. “A alta dependência que a cidade tem do setor a expõe às mudanças de demanda nos principais mercados fontes, Estados Unidos e Canadá.”


Os turistas lotam Cancun por suas belas praias e vida noturna vibrante. Imagem: Pola Damonte via Getty Images

Cancun está à frente de Marrakesh, que ficou em segundo no relatório, com 30,2% de contribuição do turismo no PIB da cidade marroquina. O relatório do WTTC descobriu que Marrakesh é excessivamente dependente de visitantes franceses (mais ou menos um em cada três visitantes estrangeiros veio da França em 2016). Macau, China, ficou em terceiro, com 29,3% de seu PIB originado do turismo, seguida por Orlando, Florida (18,7%) e Antalia, Turquia (17,6%).

Las Vegas, Dubai e Bangkok fecharam o top 10 dos 72 destinos presentes no relatório.

Este artigo foi publicado em Março de 2019 e foi atualizado em Março de 2019.