Estados UnidosDicas e artigos

Brooklyn: atrações imperdíveis da região

Se o Brooklyn fosse uma cidade, seria a quarta maior dos Estados Unidos. É o lar de mais de 2,5 milhões de pessoas em um trecho irregular de 183 quilômetros quadrados (três vezes maior que Manhattan) com um conjunto de linhas de metrô para atender o norte da região e outro para o sul. Então, se você acha que pode ver tudo em um dia, como dizem os locais: “Fuhgeddaboudit!”

Se quiser fazer um passeio de um dia, é melhor escolher apenas um bairro e ficar por lá. O sul do Brooklyn, especialmente o Brooklyn Heights, com suas casas de pedra, oferece muita história e ótimas vistas de Manhattan. Fãs de diversão à moda antiga devem ir a Coney Island. Para os notívagos, o enclave moderno de Williamsburg fica a apenas uma estação de metrô de Manhattan e é lotado de bares e restaurantes.

A Lonely Planet separou cinco atrações imperdíveis do Brooklyn. Saiba o que tem de novo por lá e o que você não pode deixar de visitar!

 

Brooklyn Bridge Park

O parque oferece uma privilegiada vista de Manhatan ao fundo
Foto por: Reid Dalland/iStock/ThinkStock

 

Esse parque de 34 hectares é uma das novas atrações mais comentadas do Brooklyn. Em uma curva do rio East, percorre mais de 2 mil metros, de Jay St em Dumbo até o fim a oeste da Atlantic Ave, em Cobble Hill. Revitalizou uma faixa antes abandonada de orla, transformando uma série de píeres abandonados em parque público. Há também algumas concessões sazonais (maio a outubro), incluindo pizza em forno à lenha, cerveja e delícias italianas no Fornino (www.fornino.com), em um terraço com deque (a uma curta caminhada do fim da Atlantic Avenue). Uma balsa grátis funciona nos fins de semana, do Píer 6 até Governor’s Island.

 

Brooklyn Academy of Music

Fundado em 1861, o BAM é o centro de artes dramáticas mais antigo do país e abastece Nova York com seus trabalhos radicais de dança moderna, música e teatro. O complexo contém uma casa de ópera com 2.109 lugares, um teatro de 874 lugares e o Rose Cinemas, com quatro salas. Seu palco apresentou retrospectivas de Mercer Cunningham, dança africana contemporânea e interpretações de vanguarda de Shakespeare.

 

Jane’s Carousel

Contemple a atração central do Empire Fulton Ferry State Park: um carrossel antigo construído pela Philadelphia Toboggan Company, em 1922, o primeiro a ser instalado no National Register of Historic Places. O tesouro está abrigado em um pavilhão de acrílico, desenhado pelo arquiteto vencedor do Prêmoi Pritzker, Jean Nouvel. Não perca.

 

Coney Island e Brighton Beach

Coney Island e Brighton Beach: tranquilidade e diversão
Foto por: demerzel21/iStock/ThinkStock

 

Localizado a cerca de uma hora de metrô de Lower Manhattan, esses dois bairros praianos ficam lado a lado, de frente para o Atlântico. Brighton Beach, a leste, é mais tranquilo, com cafés e barracas de feira com placas em cirílico, que abastecem a grande população ucraniana e russa. Coney Island, 1,6 quilômetros a oeste, se destaca com brinquedos de parques de diversões, quiosques à beira-mar e um desfile de tipos modernos. As duas comunidades são ligadas por um calçadão que corre pela praia, o melhor lugar do Brooklyn para ver e ser visto nos meses abafados de verão.

 

Williamsburg

A ponte de Williamsburg ao anoitecer
Foto por: Ultima_Gaina/iStock/ThinkStock

 

Williamsburg é essencialmente uma cidade universitária sem universidade. É o ícone do momento de Nova York em relação à boemia, atraindo artistas desencanados com cara de criança, músicos, escritores e designers gráficos. Já foi o bastião da classe trabalhadora latina e se tornou um centro da vida noturna e dos restaurantes – e assim atraiu jovens profissionais urbanos (e suas torres de apartamentos). Pode não ser cheio de grandes museus e de arquitetura bonita, mas Williamsburg mesmo assim tem muito a mostrar. Boa parte do bairro se localiza na orla do rio East, para o norte de Williamsburg Bridge. A Bedford Avenue é o ponto de atração principal, com grupos de cafés lado a lado, butiques e restaurantes na área entre a N 10th Street e a Metropolitan Avenue.

 

Esta matéria é um trecho do guia Descubra Nova York da Lonely Planet, a ser lançado em abril deste ano.

Este artigo foi publicado em Fevereiro de 2015 e foi atualizado em Fevereiro de 2015.

Estados Unidos

Destaques