Costa Rica

Todas em Costa Rica

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. Catie

    O amplo terreno do Catie, dois quilômetros a leste de Turrialba, abrange mil hectares dedicados à pesquisa e à educação em agricultura tropical. Agrônomos de todo o mundo reconhecem o local como um dos centros mais importantes dos trópicos. É preciso reservar um dos vários tours guiados para conhecer os laboratórios, estufas, banco de sementes, áreas experimentais e uma das maiores bibliotecas sobre agricultura tropical do mundo. Como alternativa, pegue um mapa e faça uma caminhada autônoma.

  2. Centro Comercial El Pueblo

    Esse shopping ao ar livre em estilo mediterrânico, no Barrio Tournon, é um labirinto de bares, boates e locais de música. A proximidade de um lugar ao outro é ideal para uma “maratona”, e a segurança é rigorosa (embora de madrugada o serviço seja um pouco desregrado). As coisas começam a funcionar às 21h e podem ficar abertas até às 7h. E o melhor de tudo: nos dias de semana a entrada é grátis.

  3. Cool & Calm Cafe

    Bem em frente à praia ocidental de Manzanillo, esse restaurante com varanda na frente presenteia os visitantes com ótima culinária caribenha, de pargos a camarão, de frango a lagosta, com poucos acompanhamentos, como guacamole, tacos e curry vegetariano acrescentados como extras. Os proprietários, Andy e Molly, oferecem aulas de culinária caribenha e um tour “do recife ao prato”, no qual você mergulha em busca de sua própria lagosta ou peixe.

  4. Galería Namu

    Essa galeria de comércio justo reúne obras de arte e artigos culturais de várias etnias regionais, como máscaras boruca, cestas wounaan, bonecas guaymí, canoas bribrí, cerâmicas chorotega, tradicionais tapetes huetar e artesanato urbano atual e afro‑caribenho. Também organiza visitas a territórios indígenas remotos em várias partes da Costa Rica.

  5. Hotel Interamericano

    No lado sul dos antigos trilhos de trem fica esse hotel básico com 21 quartos, tradicionalmente escolhido pelos rafters como o ponto de encontro em Turrialba. A eclética coleção de quartos meio desgastados inclui alguns com banheiros privativos, outros sem e muitos que combinam beliches com camas comuns. As unidades do segundo andar são mais claras e acolhedoras; vale comparar antes de escolher.

  6. Jazz Café

    Esse estabelecimento de San Pedro é o melhor destino em San José para música ao vivo, com uma banda diferente toda noite. Incontáveis artistas já estiveram nesse palco, entre eles o famoso músico cubano Chucho Valdés e o pop star colombiano Juanes.

  7. Las Ruinas de la Parroquia

    Essa igreja, hoje em ruínas, foi construída em 1575 como santuário para o Apóstolo Tiago (Santiago, em espanhol), destruída pelo terremoto de 1841, reconstruída alguns anos depois e destruída novamente por um terremoto em 1910. Hoje, restaram apenas as paredes externas, mas as ruinas são um local agradável

  8. Le Loft

    O Loft é a casa noturna mais elegante de Jacó, oferecendo uma bem‑vinda sofisticação urbana. DJs tocam remixes dançantes e os frequentadores se produzem para ver e ser visto. Há um calendário de eventos especiais e varanda com vista para a rua.

  9. Manzanillo

    A descontraída vila de Manzanillo está há tempos fora do eixo comercial, mesmo com a chegada das estradas pavimentadas, em 2003. Essa pequena cidade permanece como um vibrante centro de cultura afro-caribenha e ainda se mantém inexplorada, graças ao estabelecimento, em 1985, do Refugio Nacional de Vida Silvestre Gandoca-Manzanillo, que inclui a vila e impõe regulamentações rígidas a respeito do desenvolvimento regional.

    As atividades são simples, para curtir a natureza: trilha, mergulho com snorkel e passeios de caiaque. (Como em qualquer outro lugar, pergunte sobre a maré alta antes de sair). Além disso, você pode encontrar uma festa ocasional no localmente renomado bar e restaurante Maxi’s, no fim da estrada (onde os ônibus chegam).

  10. Park Hotel

    O hotel mais atraente do centro de Limón tem 32 quartos em um prédio amarelo desbotado, de frente para o mar. Os quartos são ladrilhados e os banheiros arrumados, limpos e com água quente; as unidades superiores e luxuosas têm varandas e vistas para o mar. O hotel também tem o restaurante mais requintado do centro.

  11. Playa Bonita

    Playa Bonita, quatro quilômetros a noroeste da cidade na rota do ônibus Limón–Moín, oferece bons trechos de litoral para nadar. Surfistas vão para a quebra do recife em Bonita, o que contribui para uma poderosa (e às vezes perigosa) aventura. Os mais experientes também vão à quebra do recife em Isla Uvita, a selvagem pedra verde a um quilômetro no alto -mar.

  12. Teatro Nacional

    Na lateral sul da Plaza de la Cultura está o Teatro Nacional, o edifício público mais reverenciado de San José. Construído em 1897, apresenta fachada neoclássica com colunas ladeada por estátuas de Beethoven e do famoso dramaturgo espanhol do século 17, Calderón de la Barca. O luxuoso saguão de mármore e o auditório são revestidos de pinturas que retratam várias facetas da vida do século 19. Se quiser descansar, há também no local um excelente café.