Austrália

Austrália

Apresentando a Austrália

Cidades descoladas

A maior parte dos australianos vive na costa, grande parte deles  nas cidades. Na verdade, a Austrália é o 18º país mais urbanizado do mundo. Conclusão: suas cidades são demais! Sydney é uma combinação glamourosa de praias, butiques e bares. Melbourne tem arte, alamedas estreitas e o futebol australiano. Brisbane é a encarnação da cidade subtropical; Adelaide é graciosamente festiva e cheia de pubs. A vibrante Perth respira o otimismo da costa oeste, enquanto Canberra vai além de seus compromissos políticos. No norte, bem na fronteira tropical, a cidade de Darwin não poderia ser mais diferente da cidade de Hobart, lá no sul de arenito. 

Comer e beber

A Austrália funde sabores multiculturais em pratos com técnicas europeias e ingredientes fresquinhos do Pacífico – culinária conhecida como “Mod Oz” (australiana moderna). Os frutos do mar protagonizam o cardápio – da delicada lagosta cabeça-chata ao peixe King George, não falta abundância às delícias do oceano. E, claro, com uma caneca de cerveja na mão, você ainda pode se esbaldar com carne de vaca, cordeiro e frango nos famosos churrascos australianos. Não bebe cerveja? Os vinhos australianos são conhecidos internacionalmente: o Shiraz do Barossa Valley, o Semillon do Hunter Valley e o Sauvignon Blanc da Tasmânia, de clima mais ameno. Precisa de um pouco de cafeína? Não faltam cafés em todo lugar, além de máquinas de café em pubs e postos de gasolina e baristas talentosos em bares e restaurantes. 

Pé na estrada

Haja asfalto cruzando essa terra vasta e amarronzada. Do rio Margaret a Cooktown, de Jabiru a Dover, a melhor forma de explorar a Austrália é caindo na estrada. O aluguel de carro é relativamente acessível, a condição das rodovias é geralmente boa e, fora das grandes cidades, quase não há trânsito. Se optar por um trailer, encontrará bons estacionamentos nas cercanias de quase todas as cidades. Se quiser uma aventura, alugue um 4x4 e drible as estradas oficiais: os parques nacionais da Austrália e seus cantos mais afastados são feitos sob medida para viagens com direito a acampamento e estrada de terra. Encarne o desbravador que existe em você!

Artes e Cultura

Não importa qual seja a cidade que você  escolher, você nunca perderá a chance de ver uma produção alternativa de teatro, uma ótima banda ao vivo, a abertura de uma nova – e badalada – galeria de arte, o lançamento de um filme ou um festival de música de abalar as estruturas. Esse é um país que já sofreu de complexo de inferioridade com relação às suas produções culturais – como se nada produzido localmente estivesse à altura. Mas houve uma virada e, hoje, talvez o orgulho australiano seja até um pouco inflado demais. As artes aborígines, em particular a pintura e a dança, parecem imunes a esses altos e baixos: são sempre cativantes. 

 

Por que eu amo a Austrália

Charles Rawlings-Way e Meg Worby, autores

"Nós dois vivemos nessa grande terra do sul do mundo há mais de 30 anos, e ainda há lugares que não exploramos. Isso não quer dizer que tenhamos ficado sentados em casa comendo pipoca e assistindo ao David Attenborough – nós somos repórteres de viagem! É que a Austrália realmente é enorme. Mesmo se passássemos os próximos 30 anos em uma viagem infinita pelas estradas australianas, ainda haveria surpresas por aí. E isso, para um casal de viajantes rodoviários compulsivos como nós, é a mais acolhedora das realidades. "

Última atualização: 17 de Outubro de 2014

Dicas e artigos

  1. Panorama da Great Barrier Reef

    A Great Barrier Reef (Grande Barreira de Coral)

    23 de Março de 2015

    Ah, Austrália!

    Leia mais

  2. Outback australiano

    Luzes, câmera, Austrália: um guia estado por estado dos melhores sets de filmes e da TV

    02 de Julho de 2015

    Com seu belo relevo irregular e suas peculiaridades inatas, a Austrália sempre esteve destinada a...

    Leia mais

Veja todas as dicas & artigos para Austrália