Ásia

Passeios em Ásia

‹ Anterior

de 1

Próxima ›
  1. Diretório Geral de Cultura e Turismo de Jeddah

    O Diretório Geral de Cultura e Turismo de Jeddah organiza uma excelente “palestra e passeio a pé”, que conta a história da cidade e mostra a sua arquitetura, às 9h, todas as quintas-feiras. O ponto de encontro é a Naseef House. Para reservar, envie um email ou telefone para o adorável diretor, Sami Nowar. Está localizado ao sul do Souq al-Alawi.

  2. Dulan Sugar Factory

    Essa fábrica, antigamente uma intensa refinadora de açúcar e uma fonte de geração de empregos locais, fechou as portas durante os anos 1990. Artesãos locais logo começaram a reabrir o depósito abandonado como ateliês provisórios: um local artístico genuíno que continuou ganhando reputação.

    Conforme se chega a Dulan vindo do norte, é fácil enxergar a fábrica à direita, próxima aos limites da cidade. Durante a semana a cena artística é quieta, mas nos fins de semana é possível encontrar escultores trabalhando e comprar artigos únicos. A fábrica também é o cenário de frequentes festivais da costa leste e apresentações semanais de músicos aborígenes (aos sábados).

  3. Lago Cuifeng

    Esse lago super pitoresco fica a 1900m acima do nível do mar e é o maior lago alpino de Taiwan. Duas trilhas oferecem a oportunidade de fugir de tudo, entre elas a Cuifeng Lake Circle Trail, que possui 3,9km. O lago Cuifeng fica a 16km do vilarejo, na Taipingshan Road, e só é possível chegar caso você consiga um transporte.

  4. Night Safari

    Ao lado, mas separado do zoológico, fica o aclamado Night Safari (safári noturno). Bondes elétricos te levam em uma jornada atmosférica de 45 minutos por mais de 120 espécies, incluindo tigres e elefantes, com outras criaturas mais dóceis passando perto do bonde com frequência. Trilhas a pé levam a locais inacessíveis para o bonde e o show das criaturas noturnas (Creatures of the Night) é imperdível para crianças.

    Pegue um ônibus por volta de 22h45, para conseguir embarcar no último trem MRT, que sai da estação Ang Mo Kio às 23h30. Caso prefira, pegue um táxi na porta.

  5. Pulau Ubin

    Um percurso de 10 minutos de balsa saindo do Changi Point Ferry Terminal, na cidadezinha de Changi, te leva à costa de Pulau Ubin. Não há horários pré-definidos; as balsas partem quando completam 12 passageiros.

    Cingapurianos gostam de ficar nostálgicos a respeito na atmosfera kampung de Ubin e, tirando um pequeno resort, o lugar vem resistindo às investidas de empresários. Permanece sendo um pedaço de selva rural cheio de lagartos, estranhos santuários e cacofonia de pássaros.

  6. Southern Ridges

    O monte Faber é conectado ao Kent Ridge Park pelo Telok Blangah Hill Park e pelo HortPark em uma cadeia de 9km conhecida como Southern Ridges. Separe um dia, leve muita água e comece no Kent Ridge Park. Esse parque possui vistas do porto e das ilhas sudestes e está quase sempre vazio. A caminhada te levará por um calçadão de copas de árvores com vozes de grilos como sua única companhia. Procure a sinalização para o HortPark. Não esqueça de visitar o Reflections at Bukit Chandu no caminho.

  7. Wuliao Jian

    Localizada nos arredores de Sansia, a trilha Wuliao Jian não cobre um grande percurso, mas mesmo assim leva seis horas para ser feita. Afinal de contas, é preciso muito cuidado ao pisar nesse caminho super estreito. Não vá a menos que tenha estômago forte para altura e esteja disposto a encarar um desafio.