ÁsiaDicas e artigos

Luzes, Câmera, Bollywood: explorando a Mumbai cinematográfica

Deepika Gumaste

Frequentemente chamada de mayanagari (cidade dos sonhos), Mumbai é sinônimo de Bollywood, a maior indústria de cinema da Índia é uma das maiores máquinas de cinema da terra. Como um centro de entretenimento do país, não é surpresa que a cidade seja o lar de centenas de atores, diretores, cineastas e aspirantes de Bollywood, e a cidade aparece na trama de dezenas de filmes criticamente aclamados, de hits locais como o indicado ao Oscar Salaam Bombay!, o romance de 2013 Lunchbox e o drama policial Chandni Bar, até lançamentos internacionais como A Cem Passos de um Sonho, Quem Quer Ser Um Milionário? e Arremesso de Ouro.  

Se você está interessado na arte do cinema e em entender como, no último século, Bollywood influenciou e moldou a cultura popular indiana, separe tempo para explorar os muitos laços com a indústria dessa cidade cinematográfica, dos estúdios de Bollywood a locações, até salas antigas de cinema e incrível arte de rua inspirada pelas estrelas. Aqui vai um pequeno guia para transformar sua viagem para Mumbai em um blockbuster.


Os pontos turísticos icônicos de Mumbai foram o cenário de diversos filmes de sucesso locais e internacionais © Lorybelle Castillo / EyeEm /Getty Images

Vá para os bastidores de Bollywood

Depois de passar décadas abrindo suas exclusivas portas apenas para atores, a Film City Studio em Mumbai agora fez uma parceria com o departamento de turismo do estado para oferecer aos visitantes a chance de entrar em seus filmes de Bollywood favoritos, ou pelo menos no set em que eles foram filmados.

Um dos maiores estúdios da Índia, a Film City oferece tours de ônibus aos fins de semana, tanto para sets internos quanto externos de filmes de sucesso como Shah Rukh Khan’s Happy New Year e Josh, para citar só alguns. Os visitantes podem dar sorte e tirar fotos de celebridades também, já que as estrelas regularmente visitam a cafeteria ali.


O sinal de Mumbai que diz 'Welcome to Fabulous Bollywood' [Bem-vindos à fabulosa Bollywood] © OlgaCanals / Getty Images

Para uma visão mais detalhada da indústria, companhias de turismo como a Viator, Mumbai Film City Tours e Thrillophilia oferecem tours de grupo que mostram diferentes aspectos do cinema indiano, incluindo sua história e crescimento, os processos técnicos de edição e dublagem e locações de filmes icônicos. Como em Los Angeles, você também pode fazer um tour das luxuosas, ou às vezes humildes, casas em que algumas das maiores estrelas de cinema da Índia vivem ou nasceram. A Khaki Tours e o Mumbai Darshan Tour (organizado pela Maharashtra Tourism) são opções confiáveis.


A fachada art déco do histórico Regal Cinema de Mumbai© Joe Bindloss / Lonely Planet

Siga a trilha dos cinemas de Mumbai

Os historiadores de Mumbai se orgulham do fato de que o primeiro filme indiano, Raja Harishchandra, filmado em 1913 por Dadasaheb Phalke, com câmeras, luzes e projetores vindos da Europa e da América, teve sua origem na cidade. No auge do cinema indiano após o fim da Segunda Guerra Mundial, a Sandhurst Road – hoje ocupada pelos trilhos da linha local Harbour – ia da Girgaum Chowpatty até Dongri e era ladeada pelos mais grandiosos cinemas da época: o Olympia, o Coronation, o New Alhambra e o Majestic.

A maior parte desses cinemas desapareceu, ou hoje permanecem como cascas abandonadas, perdidos no tempo, massacrados pela cultura do multiplex. No entanto, alguns ainda podem ser visitados e passam em geral filmes regionais obscuros em um cenário de decadente grandeza art-déco. Cinéfilos devem ir ao Alfret Theater perto de Kamathipura, ou aos nostalgicamente dilapidados Nishant Talkies, New Roshan Talkies e Moti Talkies, que são da época da transição do cinema mudo para o falado e ficam entre a Grant Road e a Sandhurst Road.


Estrelas de Bollywood chegam ao 18th Mumbai Film Festival na recentemente reaberta Royal Opera House © AFP/Getty Images

Para ver filmes recentes de Bollywood em um teatro clássico, vá ao gracioso e art déco Regal Cinema na Colaba Causeway, ao Eros na Churchgate, que possui forma de foguete, ou ao Metro INOX Cinema (originalmente construído e gerenciado pela MGM), ainda bonitos perto da Marine Lines.

Depois de ter completado a trilha dos cinemas, os turistas podem ir à recentemente reaberta Royal Opera House perto de Girgaum Chowpatty, uma maravilha arquitetônica de 1912. Além de receber o talento operístico de seu tempo, o lugar também é considerado o lugar em que se fez a família Kapoor Khandaan, a primeira verdadeira dinastia de Bollywod, que cresceu vendo peças e musicais na ópera durante os últimos dias do Raj.  


Vários números de dança de Bollywood foram filmados com o fundo do icônico Taj Mahal Palace hotel © Lars Ruecker / Getty Images

Locações, locações, locações

A menos que você possua um conhecimento enciclopédico de filmes de Bollywood, contratar um guia pode ajudar, ou pelo menos um motorista de táxi, para explorar os pontos mais proeminentes da cidade que serviram como locações de filmes. Comece com o Gateway of India e o icônico Taj Mahal Palace hotel – cenário de várias cenas de dança de Bollywood – ou vá aos bazares de Colaba e Bora que aparecem de forma proeminente em Talash, com Aamir Khan, e Missão Impossível 4: Protocolo Fantasma, com Tom Cruise.

Cineastas são há muito tempo atraídos pelo belo cenário da Marine Drive, onde partes do thriller Dhoom, 2003, da comédia-dramática Munnabhai MBBS, e de Wake Up Sid foram filmadas. Há algo inegavelmente cinematográfico nas multidões de jovens Mumbaikers reunidos na fronteira da cidade para sentir as brisas frescas e observar os serenos pores e nasceres do sol. Venha de manhã cedo, quando a cidade acorda.

Em seguida, vá para Bandra, o chique subúrbio ao norte cujas boutiques, bares e restaurantes servem muitas estrelas de cinema e ícones da indústria. Passeie pelo Bandstand, Carter Road, Chapel Road, Pali-Hill e o Worli Sea Link e você pode ver uma ou duas estrelas ao vivo.

Alternativamente, passeie pelas ruazinhas em volta e estreitas vielas, onde você vai dar de cara com murais gigantescos que retratam filmes clássicos de Bollywood, como o drama histórico e obra prima dos anos 1960, Mughal-E-Azam e superestrelas como Amitabh Bachchan, Rajesh Khanna, e Dadasaheb Phalke, o pai do cinema indiano.


Intrigantes tours pelo rio vão até as favelas de Dharavi, onde algumas das cenas de Quem Quer Ser Um Milionário foram filmadas © Thomas Young / Getty Images

Locações alternativas de Bollywood

Nem todas as locações de filme são glamourosas. Diversas agências organizam passeios até a grande favela de Dharavi, onde partes de Quem Quer Ser Um Milionário foram filmadas. Contudo, essa não precisa ser uma experiência invasiva. Nos melhores passeios, guias vindos da comunidade irão te apresentar às pessoas locais e explicar não só a importância da área para Bollywood, mas também como sua fama ajudou os residentes a transformarem suas vidas. No processo, você gera renda e trabalho para os residentes de Dharavi.  

Outro lugar interessante é o Mahalakshmi Dhobi Ghat, onde milhares de lavadoras ganham a vida com a roupa suja de residentes da cidade em tanques de concreto a céu aberto. Bollywood homenageou essa profissão enérgica no filme homônimo Dhobi Ghat.

Qualquer lista de locações populares em Mumbai não estaria completa sem mencionar as praias: Juhu, Girgaum Chowpatty, e Aksa. Incontáveis filmes colocaram suas estrelas em suas areias, com Juhu sendo a principal escolha para cenas de dança com centenas de figurantes. Seu auge pode ser visto no filme Anand, de 1971, com Rajesh Khanna e Amitabh Bachchan.


Juhu Beach é um ótimo lugar para números de dança de Bollywood © Joe Lasky / Getty Images

Há mais uma experiência cinematográfica que você não deve deixar passar. Cineastas com frequência passam pelo Apollo Bunder e os albergues de mochileiros baratos em Colaba quando precisam de extras para cenas de multidão e oferecem um modesto pagamento em troca de uma espiada fascinante de como Bollywood funciona na frente da câmera.

Este artigo foi publicado em Março de 2019 e foi atualizado em Março de 2019.

Ásia