América do NorteDicas e artigos

Uma aventura nas correntezas: as melhores viagens em rios no sudoeste dos Estados Unidos

Greg Benchwick

Há algo intrigante, que transcende tempo e espaço, na simplicidade e no fluxo de um rio. Um rio sempre tem início e fim, mas o que acontece entre um ponto e outro está sempre mudando, em curso, movendo-se. Esse movimento e a conexão com a impressionante – e ameaçada – natureza de lugares remotos e de difícil acesso tornam a aventura nos rios uma das melhores maneiras de conectar-se ao meio ambiente.

 

Rafting no rio Colorado, no Grand Canyon, é a experiência de uma vida © John & Lisa Merrill / Getty Images

O sudoeste dos Estados Unidos é o lugar onde você pode experimentar algumas das melhores aventuras em rio. Flumes de águas verdes serpenteiam e cortam planícies desérticas, levando o viajante ao fundo de vastos cânions, passando por antigos petróglifos e correntezas que deixarão o coração acelerado.

Escolher o rio perfeito dependerá de quanto tempo você tem, quem o acompanhará na viagem, qual tipo de experiência deseja ter e como você quer viajar (canoa, bote, caiaque ou stand-up). Ao organizar sua própria aventura – especialmente em trechos planos –, você pode acrescentar, ao seu gosto, animação e isolamento à sua viagem. Ou, se preferir seguir com um guia, é possível optar por uma aventura com duração de apenas algumas horas ou muitas semanas.

Mas atenção! Nunca se esqueça do poder da água. Apenas barqueiros experientes devem viajar sozinhos por correntezas. Com alguma habilidade, aventurar-se nos trechos planos é liberado para todo mundo.

 

O rio Colorado é agitado na região do Grand Canyon © tonda / Getty Images

O Grand Canyon

Temporada: abril – setembro

Distância: 282km

Dias: 6-7 (15 para o trajeto todo)

Correntezas: classes III-V

Tipo de aventura: adultos ou famílias com crianças acima de 12 anos.

Nenhum lugar é melhor que o Grand Canyon. O cânion em si assume outra personalidade quando visto do imponente rio Colorado, embaixo de suas paredes multicoloridas de calcário. As viagens são marcadas por silêncio e solidão, uma conexão íntima com o vasto espírito do cânion e algumas das melhores quedas d’água que você poderia conhecer. Faça a viagem completa, ao longo de 15 dias, parando para visitar mágicas cachoeiras, ruínas de pueblos e outros cantos perdidos nesse labirinto de pedra, areia, sol e água. Uma aventura pela correnteza do Grand Canyon é a experiência de toda uma vida, que a maioria das pessoas não pode fazer desacompanhada (correntezas Classe V são grandes, perigosas e podem trazer consequências sérias). Opte por escolher uma agência confiável para fazer a sua viagem em segurança.

 

Escolha viajar nos rios do Parque Nacional Canyonlands caso queira fugir de tudo © rchefas / Getty Images

Canyonlands, Utah

Temporada: maio – setembro

Distância: 150km

Dias: 4-6 dias

Correntezas: classes I-V

Tipo de aventura: adultos, famílias com crianças pequenas e crianças com mais de 12 anos.

O rústico e remoto Parque Nacional Canyonlands, em Utah, oferece diversas experiências aos seus visitantes. Para famílias, o rio Verde oferece passeios incríveis através dos cânions Labyrinth e Still Water. Essas aventuras funcionam melhor a bordo de uma canoa e podem durar entre três e sete dias. A água é calma, tornando a região uma ótima opção famílias que queiram organizar a própria aventura. No entanto, tenha cuidado: é necessário, no mínimo, possuir conhecimentos básicos de sobrevivência, já que o local está a muitos quilômetros da civilização. A melhor parte da viagem: contemplar estrelas cadentes cortando o céu do deserto enquanto o rio corre logo ao seu lado. Mais adiante, o rio se agita com quedas classe III a V na altura do Cataract Canyon, que começa abaixo da impressionante junção dos rios Verde e Colorado. As melhores viagens nessa área duram quatro dias. A Tex’s Riverways aluga canoas e disponibilizam transportes para os viajantes solitários. Experimente a Western River Expeditions para o Cataract Canyon – eles oferecem uma viagem de 18 dias seguindo a rota de John Wesley Powell, um verdadeiro fanático por rios. Faça o trajeto de volta de helicóptero ou lancha para incrementar a sua aventura.

 

O Ruby Horsethief Canyon é um trecho fácil e adequado para quase todas as idades © Greg Benchwick / Lonely Planet

Ruby Horsethief Canyon, Colorado

Temporada: abril – setembro

Distância: 36km

Dias: 1-3 dias

Correntezas: classes I-II

Tipo de aventura: adequada para aventureiros independentes ou passeios guiados para a família toda.

No clássico passeio de três dias para famílias no Ruby Horsethief Canyon, é possível contemplar lindas paredes de calcário cortadas pelo rio Colorado. A viagem começa no Colorado e termina em Utah. Quando o nível da água está baixo, você pode fazer o trajeto de canoa, mas quando a água sobe em junho, é melhor utilizar um bote ou um duckie (um caiaque inflável). Há ótimos pontos de acampamento e alguns divertidos passeios ao longo desse trecho calmo do rio. A melhor parte é relaxar durante o sol da tarde, identificando rostos e formas únicas nas paredes das rochas. As crianças amam quando o trem passa, a única conexão com a civilização nessa paisagem quase intocada. Os locais do rio sabem quando é hora de abaixar as calças, dando aos passageiros do trem uma visão memorável. Essa é a natureza e liberdade do rio. Passeios guiados e aluguel de equipamentos estão disponíveis na Rimrock Adventures. Não perca a saída no final – caso contrário você ficará remando nas rápidas e selvagens correntezas do Westwater Canyon (classe III).

 

Nada é mais icônico do que passear pelo rio Arkansas, perto de Buena Vista, no Colorado © Sportstock / Getty Images

Browns Canyon, Colorado

Temporada: maio – agosto (as águas ficam altas em junho)

Distância: 18km

Dias: 1 dia

Correntezas: classes III-III+

Tipo de aventura: famílias com crianças com mais de 7 anos e adultos.

Buena Vista é a capital do rafting nos Estados Unidos. Saindo daqui, o passeio mais icônico do estado o leva pelo rio Arkansas, através de correntezas íngremes que incluem a Pinball, Big Drop, Widowmaker e a clássica descida classe III+ a IV pela Zoom Flume. É uma viagem sem paradas, repleta de quedas divertidas que todos na família gostarão. Embora haja uma pequena chance de ser preciso nadar nos pontos de menor fluxo, essa é uma viagem adequada para crianças a partir de sete anos. Para correntezas maiores, considere uma viagem pela Royal Gorge, com suas águas classe IV e V (a idade mínima para esse passeio, em geral, é de 15 anos, dependendo do nível da água). Perto da bonitinha cidade de Salida, o Arkansas oferece correntezas mais fáceis e uma ótima pesca – inclusive, há um trecho onde você pode remar. Experimente a Independent Whitewater, em Salida, para o passeio do Browns Canyon – eles têm uma excelente doca privada. Ou faça um tour de dois dias pelas melhores quedas do Browns e da Royal Gorge.

 

Você será conquistado pelo rafting no rio Grande, no Novo México © Rob Atkins / Getty Images

Taos Box, Novo México

Temporada: maio – agosto (as águas ficam altas em junho)

Distância: 24km

Dias: 1 dia

Correntezas: classes III-IV

Tipo de aventura: famílias com crianças maiores de 13 anos e adultos

Remar no Novo México é simplesmente diferente. Há menos pessoas e pretensões, mas várias quedas. O pedaço de 24km do rio Grande que passa por um cânion conhecido como Taos Box é a melhor correnteza do estado. Ela começa com águas calmas, então fica mais íngreme, estreita e rápida a cada minuto que passa. Conforme você entra na garganta, as correntezas caem em clássicos da classe IV, como a Power Line Falls, a Rock Garden e o trecho de 1,5km conhecido como rio Bravo. Termine o dia saboreando drinques e conhecendo galerias de arte no lírico vilarejo de Taos. Contrate os serviços da New Mexico River Adventures para excursões guiadas. Famílias podem fazer o passeio no vizinho rio Chama.

Este artigo foi publicado em Outubro de 2019 e foi atualizado em Outubro de 2019.

América do Norte

Destaques