América do NorteDicas e artigos

Enfrente o frio das melhores paisagens de inverno dos EUA

Parque Nacional de Yosemite, Califórnia

Andy Murdock

Quando o firo bate à porta, os americanos costumam escapar discretamente para se refugiar em climas mais amenos. A menos que você seja um ávido praticante de esqui ou goste de pescar em águas geladas, pra que passar o inverno nas regiões mais frias dos Estados Unidos, não é mesmo? Mas calma lá: o viajante disposto a enfrentar os ventinhos congelantes pode ser gratificado com algumas experiências únicas dessa estação, além de menos pessoas e aquela deliciosa sensação de que só você e alguns outros gatos pingados estão compartilhando um dos grandes segredos turísticos do país.

O que não faltam são fantásticas experiências de inverno nos Estados Unidos, com lugares onde se pode celebrar a estação fria, outros para desfrutar apesar do frio e, enfim, destinos de férias de inverno para se divertir. Aqui estão algumas de nossas experiências de inverno preferidas em território americano.

 

Yosemite – Bracebridge Dinner

Não importa quantas vezes isso já tenha sido dito, vamos repetir: visite o Yosemite Valley no inverno.  O Yosemite é lindo o ano todo, mas nada se compara à majestosa paisagem do Yosemite Valley sob a camada de neve. The Ahwahnee Hotel é um dos ótimos lodges desse parque nacional e o lugar perfeito para descongelar em frente às lareiras de seus espaçosos chalés.

O Bracebridge Dinner, o concurso natalino anual de Ahwahnee, com banquete e uma pequena feira renascentista, é o ponto alto da temporada. Se quiser viver essa experiência e desfrutar da diversão oferecida por 100 atores vestidos à moda do século 17, reserve o seu lugar com antecedência (depois você pensa no figurino que usará...).

 

Santa Fe – Farolitos na véspera de Natal

Na noite do dia 24 de dezembro, Santa Fe torna-se um lugar mágico, com aroma de pinheiro e cedro vindo das lareiras fumegantes e a iluminação de milhares de farolitos (luminárias, ou faroizinhos) piscando nos edifícios de tijolos à vista da capital estadual mais antiga dos Estados Unidos. A Canyon Road de Santa Fe, um dos grandes destinos do país, com as suas mais de 100 galerias de arte, alcança o seu auge também na véspera de Natal e vale ser vista mesmo com o frio e as multidões. Outras versões do evento ocorrem em todo o sudoeste – o Festival of Lights (Festival das Luzes) de Sedona é outro destaque.

 

Ouray, Colorado – Festival do Gelo de Ouray

O Ouray Ice Festival, considerado o maior festival do gelo da América do Norte (embora a competição seja acirrada), é uma grande festa de quatro dias com competições de escalada de gelo e uma variedade de outros esportes de aventura típicos de inverno e oficinas. Se a ideia de escalar gelo não lhe pareça lá muito atraente, vá como espectador e desfrute das emoções e das vistas para as montanhas – sem falar das cervejarias locais – de uma distância confortável.

 

Nova York – Natal

Nenhuma cidade faz o Natal maior e melhor do que Nova York. Não será quente, mas só as decorações da época farão você esquecer o ventinho gelado. Muitos visitantes sonham em patinar na pista do Rockefeller Center. Não deixe de visitar – é linda de se ver, embora surpreendentemente pequena e (o que é menos surpreendente) cara. Para uma experiência melhor e igualmente mágica, calce os patins no Wollman Rink do Central Park, que é maior e mais barato.

 

Elko, Nevada – Encontro Nacional de Poesia de Cowboy

Nada espanta tato o frio quanto uma noite de inverno em Elko, Nevada, embalada pela camaradagem e a poesia de cowboys. Todo janeiro, vaqueiros e seus fãs reúnem-se em Elko para um festival de folclore e poesia. Se você tem interesse pelo Oeste e pela cultura de cowboy, essa é a celebração de inverno perfeita para você. E, se você tiver a sua própria coleção de versinhos ou haicais sobre boiadas, selas de cavalo e afins, não deixe de se apresentar também.

 

San Francisco – SantaCon

Nascido em San Francisco em 1994, o SantaCon agora se espalhou por outras cidades do mundo – afinal, quem não quer se vestir de Papai Noel e ficar bêbado junto com outros papais-noéis? Ou bater o recorde mundial de encontro de papais-noéis pelados? É bom ler as regras do SantaCon antes de aterrissar por lá: o Papai Noel não pode fazer criança chorar, você TEM de chamar todos de “Santa” (de “Santa Claus”), e nenhum Papai Noel é deixado para trás. Não se aconselha vomitar enquanto estiver vestido como o bom velhinho. Em nem é preciso dizer, essa diversão de inverno é exclusiva para adultos.

 

Anchorage – Fur Rendevous

No final de fevereiro, o Fur Rendevouz Festival (o “Rondy”) em Anchorage, no Alasca, é o sinal de que o longo inverno está quase acabando. Bem, não logo em seguida, mas logo, e toda a Anchorage está pronta para celebrar, mesmo que ainda tenha de enfrentar dias de mau tempo. Assista à competição de escultura no gelo. E faça o passeio de roda-gigante mais gelado de sua vida. No final do Rondy, começa a famosa corrida de cachorros Iditarod Trail.

 

Filadélfia – Desfile de Mascarados

O festival popular mais antigo dos Estados Unidos anima a Filadélfia no dia de Ano Novo, com milhares de participantes – vestidos às vezes com extremo exagero, com direito a plumas, paetês e maquiagem - no Mummers Parade (algo como “Desfile de Mascarados”). Eles são acompanhados por bandas que tocam todo tipo de instrumento tradicional e se apresentam em coreografias bem elaboradas. É como um Carnaval de inverno – mas, apesar das baixas temperaturas, a animação (e as bebidas) estão sempre bem altas. 

Este artigo foi publicado em Novembro de 2013 e foi atualizado em Novembro de 2014.

América do Norte

Destaques