África

Todas em África

‹ Anterior

de 13

  1. Afri-Ski (esqui)

    Esquiar é uma boa pedida com a Afri-Ski (passe 1/3 dias M350/750), onze quilômetros depois de Oxbow.

  2. African Wanderer

    Oferece guias qualificados e animados.

  3. Albergue da Juventude

    Dispostos em torno de uma área central iluminada, os quartos são básicos, mas bem cuidados e tranquilos, com teto alto e cheiro de umidade no inverno. Os funcionários são simpáticos e o albergue fica em uma praça arborizada. Tem bons chuveiros quentes. Não requer carteira da IYHF ou da YHA.

  4. Amanzi

    Venha bem arrumado, pois o Amanzi é classudo e ainda é “a” programação especial. Em uma deslumbrante casa colonial com decoração africana, arte local (à venda) e um fantástico jardim, serve deliciosa comida internacional com muita animação. O pátio é tem uma atmosfera mágica, com cascata no jardim e um braseiro crepitante. Reservas são essenciais.

  5. Annie se Kombuis

    Se estiver procurando comida tradicional, como rabada, bobotie (curry de sabor delicado com uma crosta de ovos batidos por cima) ou carne de caça, esse lugar aconchegante saindo da Harbour Rd vai atendê-lo.

  6. Aqua Africa Diving

    Único operador de mergulho da baía, esse confiável grupo de gestão ocidental oferece mergulhos casuais para mergulhadores certificados (US$50) e cursos completos de PADI de quatro dias para iniciantes (US$375). Peixinhos ciclídeos coloridos, do tipo que você vê no aquário do dentista, nadam pelo lago; mais espetaculares ainda
    são os cardumes de golfinhos atraídos por nossas lanternas em mergulhos noturnos. A Aqua Africa também aluga os equipamentos de mergulho (US$15 por meio dia).

  7. Artesanato em Fez

    Fez é a capital marroquina do artesanato. A variedade é grande, a qualidade é alta e os preços são competitivos, por isso não tenha pressa e pesquise bastante. Como de costume, o melhor é procurar nas pequenas lojas fora das principais áreas turísticas (como a Talaa Kebira e Talaa Seghira, na medina). Para artigos de couro, a área em torno dos curtumes tem a melhor seleção. Na medina, há muitos riads e funduqs restaurados convertidos em lojas de tapeçaria. Apesar de serem ótimos lugares para sentar-se com um chá de hortelã em um ambiente espetacular e observar tapetes fabulosos, os vendedores são os mais invasivos do Marrocos. Você pode conseguir peças maravilhosas, mas também pode pagar caro por peças industrializadas de baixa qualidade.

  8. Atividades em South Luangwa National Park

    Todos os lodges e campings organizam excelentes passeios de carro na selva de dia ou à noite (chamados na Zâmbia de “game drives”) e a maioria tem safáris a pé (junho a novembro). Essas atividades estão incluídas nas tarifas cobradas pelos lugares mais caros; já os lodges e campings mais baratos podem organizar roteiros com menos antecedêcia.
    Um passeio de 3 horas de manhã ou à noite em geral custa ZMW210.Você também paga a entrada no parque (ZMW156), mas só uma vez a cada 24 horas, por isso dá pra fazer um passeio à noite e outro na manhã seguinte. O safári a pé (ZMW260) talvez seja o melhor meio de vivenciar o parque; é dada muita atenção aos rastros dos animais, o que seus dejetos revelam e o uso medicinal de plantas.

  9. Baraka Community Partnerships

    Em parceria com a Associação da Vila de Tighza, a ONG britânica Baraka Partnerships oferece oportunidades de trabalho voluntário na remota vila rural da Tighza (a 16km de Telouet). Os atuais projetos de longo prazo envolvem a substituição de 2km de canais de irrigação, e grupos maiores podem ajudar no plantio de árvores. O trabalho é financiado por doações (Dh350 ou mais, dependendo do projeto), que podem ser feitas no local ou pelo site.

  10. Basotho Hat

    O Basotho Hat tem um estoque de chapéus de palha basotho e outros suvenires.

  11. Book Café

    Sem muita frescura, ainda é o melhor lugar para música ao vivo, com uma lista variada de bandas e gêneros todas as noites, exceto aos domingos. Procure anúncios dos eventos pela cidade, ou visite a página do Facebook. Também faz pizzas em forno a lenha.

  12. Botswanacraft Marketing

    Maior loja de artesanato de Botsuana, vende suvenires tradicionais de todo o país, incluindo cerâmica de Gabane e
    Thamaga, joias san e cestos de todas as regiões com preços fixos. Tem também o bom Courtyard Restaurant.

  13. Boulangerie Patisserie Azir

    Essa confeitaria é a favorita da cidade, com pães caseiros e toneladas de doces e salgados.

  14. Boutique Majid

    Você pode se perder por algumas horas nessa exótica loja de antiguidades, mas a verdadeira joia é o próprio Majid. Vestido a caráter (com direito a chapéu fez vermelho), ele contará histórias dos Rolling Stones e outros famosos enquanto mostra a impressionante coleção de portas marroquinas, joias, miudezas, roupas, tecidos e tapetes.

  15. Bronte

    No limite leste da cidade, espalha‑se por jardins tranquilos e tem quartos em estilo colonial, confortáveis, mas um pouco fora de moda. É uma escolha popular entre ONGs – um bom sinal.