África

Onde dormir em África

‹ Anterior

de 3

  1. Albergue da Juventude

    Dispostos em torno de uma área central iluminada, os quartos são básicos, mas bem cuidados e tranquilos, com teto alto e cheiro de umidade no inverno. Os funcionários são simpáticos e o albergue fica em uma praça arborizada. Tem bons chuveiros quentes. Não requer carteira da IYHF ou da YHA.

  2. Bronte

    No limite leste da cidade, espalha‑se por jardins tranquilos e tem quartos em estilo colonial, confortáveis, mas um pouco fora de moda. É uma escolha popular entre ONGs – um bom sinal.

  3. Dar Afram

    Essa pousada simpática tem suítes simples e impecáveis com ar descolado. Os proprietários australiano-marroquinos são músicos e sessões improvisadas às vezes acontecem após o jantar servido em uma mesa coletiva. Merecidamente popular.

  4. Equity Point Hostel

    A rede internacional Equity Point encontrou uma lacuna no mercado e montou um de seus albergues “FUNtastic” no coração de Mouassine. Você terá todas as vantagens de hospedar-se num riad histórico: piscina no pátio, bhous (cantinhos) decorados com zellijes e efeitos decorativos com lanternas de latão e portas de cedro entalhadas, além de ambiente sociável. Os dormitórios comportam de seis a oito pessoas e todos têm banheiro. Conta ainda com um bar e um restaurante e não há toque de recolher.

  5. Foothills Guesthouse

     Essa casa de pedra adaptada oferece algo diferente dos padrões um tanto insossos da capital. Os quartos pequenos e um pouco exagerados têm características de jardim e os hóspedes socializam na varanda pela manhã no café. Você vai precisar de táxi para chegar.

  6. Funky Fes

    O primeiro albergue de fato de Fez oferece acomodação boa e barata perto do Bab el-Jdid, e é uma adição simpática e muito bem-vinda à cena hoteleira da cidade. É um lugar jovial e sociável, com mais camas de dormitório do que você imaginaria – e oferece passeios, atividades, comida e muito mais.

  7. Hermanus Backpackers (Hostel)

    Ótimo lugar, com decoração alegre, boa infraestrutura e equipe cheia de dicas para as próximas atividades. O café da manhã é grátis e à noite são preparados braais (churrasco) por R90.

  8. Hôtel Bellevue

    Historicamente o melhor lugar de Ifni, o charme art déco da fachada do Bellevue não se estende ao interior, onde você encontrará pouco mais que algumas luminárias antigas e vitrais. No entanto, é uma boa opção econômica na praça principal, com vista para a praia do bar-restaurante e sacada nos quartos. Peça um quarto com banheiro no segundo ou terceiro andar; os do térreo são escuros e o banheiro compartilhado, bastante simples, fica na cobertura.

  9. Hotel Saadiens

    Com placas por toda a cidade, o Saadiens envelheceu, mas o quartos espaçosos têm banheiro, roupa de cama listrada e desenhos berberes nas portas. Apesar dos corredores escuros, é um retiro central próximo à medina, com bar no segundo andar e vista para as montanhas da cobertura. A avenida du 20 Août é movimentada, então peça um quarto nos fundos. Meia pensão disponível.

  10. Inkosana Lodge

    Esse jardim nativo delicioso tem quartos limpos e lindos rondavels. Apesar de promovido como “lodge de mochileiros”, sua gama de quartos agrada também viajantes mais exigentes. O acolhedor proprietário Ed, antigo alpinista, pode dar conselhos sobre as trilhas. Fica na R600, a caminho do Champagne Castle.

  11. It’s a Small World Backpackers Lodge

    Empunhando sozinho a bandeira dos mochileiros em Harare, esse hostel veterano sabe o que quer – uma vizinhança segura, quartos limpos e preços acessíveis; há cozinha comum, wi‑fi e um bar descontraído. Também aluga bicicletas
    (US$5 por dia). Você pode ser transferido para a outra unidade na esquina entre a 9th e a Fife St, se a casa estiver cheia.

     

  12. Kapola Boutique Hotel

    A cerca de cinco quilômetros de Mbabane, esse hotel construído recentemente ostenta decoração elegante e luxuosa em seus oito quartos. A principal desvantagem é que ele está localizado na movimentada e barulhenta MR3.

  13. Kiboko Town Hotel

    Essa opção intermediária tem quartos agradáveis e camas com dossel, paredes ocre, tela antimosquito e TV a cabo.
    Tem ainda um ótimo café no pátio que serve fartos cafés da manhã e um café decente, além de um playground. À noite o bar é um verdadeiro ímã de viajantes/expatriados. A Kiboko Safaris fica sediada no local.

     

  14. Kilimanjaro Country Lodge

    Uma boa opção fora da cidade – especialmente para grupos e famílias –, a cerca de 7,5 quilômetros a leste do centro, o Kilimanjaro consiste de vários edifícios baixos e conservados, com um gramado bem cuidado. Os dez quartos são espaçosos, a decoração é simples e a gerência atende a todos os pedidos. Oito quartos e a piscina estavam em obras no momento de nossa visita. O restaurante cheio de curiosidades no jardim tem um extenso menu e uma deliciosa seleção desobremesas, além de um playground para as crianças e passeios de pônei.

  15. La Perla

    Esse hotel executivo moderno de vidro espelhado tem quartos confortáveis, embora sem muita personalidade, com TV via satélite e banheiros espaçosos. O piso de cerâmica, as paredes finas e a localização em uma esquina agitada o tornam um tanto barulhento. Há um café no térreo e um restaurante.