ÁfricaDicas e artigos

Egito: tudo que você precisa saber e conhecer no país

Vista do monte Sinai

Com tumbas cobertas de areia, pirâmides enigmáticas e templos faraônicos grandiosos, o Egito desperta o explorador que existe em todos nós. Conheça o Vale dos Reis em Luxor, onde foi desenterrada a tumba de Tutancâmon, e confira as brilhantes descobertas do Museu Egípcio no Cairo. Navegue pelo Nilo para visitar um templo à beira-rio, ou aventure-se pelo deserto para encontrar vestígios do antigo comércio romano. Nunca se sabe – seu burrinho pode tropeçar em outra grande descoberta, como já aconteceu muitas vezes.

 

Duas religiões

O Egito já foi a sede de um império em Al-Qahira – Cairo, a Cidade Vitoriosa. Essa metrópole é lotada de minaretes imponentes, escolas medievais e mesquitas, das quais algumas representam a mais grandiosa arquitetura do Islã medieval. Ao mesmo tempo, os cristãos nativos do Egito, os coptas, mantêm vários aspectos de suas tradições ligados ao tempo dos faraós, como o idioma litúrgico da igreja e o calendário tradicional. Mergulhe na história nos velhos monastérios e nas antigas igrejas.

 

A beleza do deserto

O deserto pode ser palco de aventuras e muita beleza
Foto por: 
Matejh photography/ThinkStock

 

Seja assistindo ao pôr do sol do alto do Monte Sinai (Jebel Musa) ou observando o horizonte cintilante no conforto de uma terma do Oásis de Siwa, o fascínio do deserto do Egito não tem fim – o que é uma ótima notícia, já que se estende por 95% do país. Em uma terra em que o tempo é marcado por dinastias, e a distância é medida pelo sol poente, há muitas oportunidades para relaxar na paisagem infinita de areia e mar.

 

Mergulho no Mar Vermelho

O litoral do Sinai e o do Mar Vermelho conduzem a um mundo de maravilhas escondido sob as águas. Seja para mergulhadores experientes ou de primeira viagem, o universo submarino dos recifes de coral do Egito, com peixes coloridos e belos naufrágios fantasmagóricos, impressiona tanto quanto os monumentos em terra. Desperte o Jacques Cousteau que existe em você explorando o enigmático navio de carga Thistlegorm, da Segunda Guerra Mundial, um verdadeiro museu no leito do mar.

 

Luxor

Vista do rio Nilo em Luxor
Foto por: 
julof90/ThinkStock

 

Com a maior concentração de monumentos antigos do país, Luxor é uma visita mais que gratificante. Pode-se passar dias ou semanas na cidade, caminhando pelos salões colunados dos grandes templos na margem leste do Nilo, como o Ramesseum, ou descendo até as tumbas dos faraós do Vale dos Reis, na margem oeste. Assistir ao sol nascendo sobre o Nilo ou se pondo atrás das montanhas de Tebas são alguns dos momentos mais inesquecíveis da viagem.

 

Pirâmides de Gizé

Pairando, imponentes, acima da efervescência do Cairo e das planícies desérticas além do horizonte, as Pirâmides de Gizé e a Esfinge estão no topo do itinerário de todo visitante. Leve muita água, um cartão de memória vazio e muita paciência! Você vai ter de enfrentar muita gente conduzindo passeios a cavalo e beduínos com turbantes para aproveitar esse antigo complexo funerário, mas nenhuma viagem ao Egito fica completa sem uma foto sua em frente à última maravilha do mundo antigo ainda preservada.

 

Pôr do sol em Assuã

Quem pode resistir a um pôr do sol desses?
Foto por: 
Magzmichel/ThinkStock

 

Assista ao pôr do sol em Assuã, na fronteira do antigo império egípcio e próxima ao posto romano mais ao sul. Ainda é o portal para Núbia, onde as culturas se misturam, criando uma atmosfera tranquila que colabora para a apreciação da paisagem. Há algo na forma como o rio passa por entre as pedras, na proximidade do deserto e na solidão dos cemitérios de Aga Khan e das tumbas de antigos príncipes esquecidos, que torna o fim do dia ali ainda mais comovente que em qualquer outro ponto do Nilo egípcio.

 

Cruzeiro no Nilo

O Nilo é a fonte vital do Egito, a artéria que corre por todo o país, do sul ao norte. Só navegando à deriva pelas águas desse rio você sentirá sua importância e beleza – e, em termos práticos, alguns sítios arqueológicos só podem ser vistos da melhor maneira em passeios de barco. Navegar é o modo mais lento e relaxante de viajar, e até do deque de um hotel flutuante de vários andares é possível sentir a magia do lugar. Para dicas de como escolher o cruzeiro.

 

Museu Egípcio

Esfinge em frente ao Museu Egípcio, na Praça Tahrir
Foto por: eugen_z/ThinkStock

 

A dimensão do Museu Egípcio é simplesmente impressionante. Mais de uma centena de salas repletas com as mais fascinantes descobertas das escavações no Egito: joias de ouro reluzentes, as meias do rei Tut e múmias dos maiores faraós e também de seus animaizinhos de estimação preferidos. Apesar de tudo isso, pouquíssimos objetos são etiquetados. Não se obrigue a ver tudo – em vez disso, contrate um guia por uma ou duas horas para conhecer os segredos desse enorme museu.

 

Esta matéria faz parte do guia Egito.

Este artigo foi publicado em Julho de 2015 e foi atualizado em Julho de 2015.

África

Destaques